Entretenimento

PANDEMIA

Série animada de 'League of Legends' é adiada para 2021 

quinta-feira, 11/06/2020, 11:23 - Atualizado em 11/06/2020, 11:23 - Autor: FOLHAPRESS


"Arcane" só estará nas telas no ano que vem é a previsão dos produtores
"Arcane" só estará nas telas no ano que vem é a previsão dos produtores | Reprodução

A Riot Games, empresa responsável pelo universo de "League of Legends", veio em nota nesta quarta-feira (10) para anunciar o adiamento da série animada de televisão "Arcane", para 2021, devido a pandemia do coronavírus.

"Todo o pessoal da Riot ficou muito chateado. Queríamos muito lançar a série ainda este ano mas mesmo que estejamos empolgados com o projeto, nossa prioridade é garantir a segurança e o bem-estar das nossas equipes e parceiros", escreveu o Ghostcrawler no site oficial da empresa.

Produzida pela Riot e Fortiche Productions, "Arcane" foi anunciada durante as comemorações do 10º aniversário de "League of Legends". Ainda sem data oficial divulgada, o Ghostcrawler explicou a dificuldade em criar e produzir uma série à distância.

"As reuniões em vídeo ajudam mas não podem substituir uma sala com todos reunidos e toda a energia criativa fluindo. Além dessas questões, a produção enfrenta dificuldades técnicas em escala internacional, tornando o problema ainda mais complicado."

Mesmo com o contratempo, a Riot diz estar feliz e orgulhosa de ter lançado "Valorant" em meio a pandemia. "Nosso primeiro jogo de tiro em um novo universo, além de Legends of Runeterra, nosso primeiro jogo multiplataforma. Parabéns às equipes fantásticas que cuidam desses títulos. Esperamos que os jogadores experimentem e gostem."

"Valorant", novo game gratuito da Riot, chegou as prateleiras dos gamers no último dia (2). O jogo é dividido em duas equipes de cinco jogadores cada se enfrentam em uma batalha por 24 rodadas, usufruindo de uma mecânica de tiros altamente letal e precisa, arsenal amplo e mapas que podem render horas de jogo.

Para melhorar a experiência dos players, são usados servidores de ponta e tecnologia "anti-cheat" ("anti-trapaças"), uma das principais preocupações dos desenvolvedores.

Conteúdo Relacionado


4 Comentário(s)

Exibir mais comentários

MAISACESSADAS